fbpx

Combo Mulheres Negras

R$140,00

O 25 de julho marca o Dia Internacional da Mulher Afro-latino-americana e Afro-caribenha, e no Brasil também celebra-se o Dia Nacional da Mulher Negra e de Tereza de Bengela. Ao longo do mês de julho é realizado um conjunto de atividade e mobilizações entorno do tema que ficou conhecido como Julho das Pretas. 

Por isso a Dandara Editora preparou  essa promoção super especial “Combo Mulheres Negras”

 

Promoção válida até o dia 31 de julho.

Descrição

 

Resumo

Essa publicação surge do trabalho que reúne Ações de Pesquisa e Extensão, com Mulheres Negras no NEALA – Núcleo de Estudos Afro-Latino-Americanos da UNILA – Universidade Federal da Integração Latino Americana. São mulheres de diversas origens, atuamos em muitas direções na Argentina, no Brasil, na Colômbia e no Paraguai. São Yalorixas, Quilombolas, Cantoras, Professoras, Estudantes, Instrumentistas, Dançarinas, Acadêmicas, Políticas, Trabalhadoras das terras e das águas, Poetisas, Educadoras, Contadoras de Histórias, Escritoras. São intelectuais que trazem seus conhecimentos por meio das inúmeras formas de escritas. Que compartilham seus conhecimentos como forma de existir e resistir. Que abrem caminhos para que possamos seguir.

 

 

 

 

Resumo
Mulheres incorrigíveis: Histórias de Valentia, Desordem e Capoeiragem na Bahia é resultado de um importante trabalho de pesquisa que busca dar visibilidade para importante participação das mulheres na formação da capoeira na Bahia. Como afirma a prefaciadora do livro Adriana Dias “Pioneira no tema, Juliana derruba de uma vez por todas a falsa ideia de que a capoeira pertencia a uma cultura de domínio exclusivo dos homens, assim como a crença de que apenas nos anos 1960 as mulheres entraram para a capoeira”.

 

 

 

 

Resumo:

Negras Lideranças: mulheres ativistas da periferia de São Paulo é o primeiro livro de Eliete Edwiges Barbosa, resultado da sua dissertação de mestrado no curso de Psicologia Social da PUC São Paulo. Neste trabalho de pesquisa, a autora busca dar visibilidade às mulheres negras que atuam nos movimentos sociais de periferias, lideranças que surgem no calor das injustiças sociais que atingem ela e sua família, problemas como a saúde, moradia, educação. Eliete dá voz às mulheres que contribuíram para conquistas sociais fundamentais nas periferias, mas que, porém, muitas vezes não têm o reconhecimento ou o protagonismo nos espaços de destaque da ação política.

Informação adicional

Peso 900 g
Dimensões 14 × 4 × 21 cm

Título

Ir ao Topo